Mirante do Caeté – Parque Natural Municipal da Prainha

Carina e eu no Mirante do Caeté

Depois de meses sem fazer trilha, voltei à participar de uma das atividades físicas preferidas… o trekking!

E nada melhor que retornar, com uma trilha leve, vista linda, com direito à praia no final e na companhia de amigos.

Eu, Lygia e Carina no Parque Natural Municipal da Prainha

A trilha começa dentro do Parque Natural Municipal da Prainha. O acesso ao Parque é de carro ou a pé. Não há transporte público nessa região. O local é limpo e bem movimentado. Me senti segura. Logo na entrada há chuveiros para quem deseja retirar o sal da praia. Avistamos muitos surfistas por ali.

Entrada do Parque Natural Municipal da Prainha

Parque Natural Municipal da Prainha

Parque Natural Municipal da Prainha

Parque Natural Municipal da Prainha

A trilha é super tranquila! Coberta pelas árvores, portanto não há exposição ao sol no percurso e bem sinalizada. Não marcamos o tempo, mas acredito que realizamos em 20 minutos. Não esqueça de ir com calçado adequado!

Da trilha, já temos uma prévia do que veremos no Mirante. Não é lindo? pausa para descansar, beber água e se deparar com esse visual!!!

Parque Natural Municipal da Prainha

As praias nesse verão carioca, estão demais!!! a coloração linda, parece o Caribe! A água também está refrescante! Geralmente é muito gelada!

Vista do Parque Natural Municipal da Prainha

Aproximando-se ao fim da trilha… observamos o Mirante do Caeté. Um deck de madeira com vista privilegiada!

Mirante do Caeté

Que visual!!!

Mirante do Caeté

Mirante do Caeté

Não pode faltar a foto clássica!

Carina, eu e Lygia no Mirante do Caeté

Parque Natural Municipal da Prainha

Av. Estado Guanabara, s/nº, Recreio dos Bandeirantes

Entrada gratuita – Terça a Domingo de 8h00 às 17h00

Lembrete: Se vai de carro, chegue bem cedo para estacionar!!! Principalmente final de semana!!!

Bju!

Daniele

Facebook | Insta Blog | Insta Dani | YouTube | Twitter | Comente!

O que achou do post?

Conhecendo a Barra da Lagoa | Floripa

Prainha da Barra da Lagoa

Quando retornamos do Centro de Floripa, decidimos conhecer a Barra da Lagoa. Estava cedo e como o trajeto de barco é rápido, cerca de 40 minutos, achamos que seria possível conhecer um pouquinho desse lugar tão recomendado.

Mais uma vez, partimos do trapiche da Lagoa da Conceição.

Eu, Tiago e Barbara rumo à Barra da Lagoa

Eu, Tiago e Barbara.

É impressionante o tráfego no canal da Barra da Lagoa. A todo momento pensava que o barco ia atolar, pois a impressão que a gente tem é falta de largura e profundidade. Mas que nada! pequenas embarcações, Jet Ski, lanchas e iates navegavam pelo canal. Sendo possível observar lindas casas e restaurantes.

Enquanto as embarcações passavam, pessoas não se inibiam e se refrescavam por ali mesmo.

Fortaleza da Barra da Lagoa

É aqui que a Lagoa se encontra com o Mar… a Praia da Barra da Lagoa.

Barra da Lagoa

Após desembarque, seguimos direto para a trilha da Prainha e Piscinas Naturais. Para chegar na trilha é preciso atravessar a ponte, virar a esquerda (Servidão da Prainha) e seguir em frente. O trajeto é bem curtinho e o fluxo de pessoas, intenso. Não há como se perder.

Ponte Barra da Lagoa

Logo, você verá placas, indicando os locais.

placa barra da lagoa

E em pouco tempo, a linda prainha!!!

Prainha da Barra da Lagoa

Decidimos continuar a trilha para conhecer as piscinas naturais

Yoga na Barra da Lagoa

Antes de chegar nas piscinas naturais, há essa pedra enorme, com uma vista maravilhosa. Claro que paramos para fotografar. E o que eles chamam de “Piscinas Naturais” é o mar, cercado por pedras. Como estava cheio, voltamos para a Prainha.

Não visitamos o Projeto Tamar e a própria Praia da Barra da Lagoa. Em uma próxima oportunidade, quem sabe.

Tem vídeo!!!

Fica a dica então… vá bem cedo e explore a Barra da Lagoa!

Boa semana!

Daniele

Facebook | Insta Blog | Insta Dani | YouTube | Twitter | Comente!

O que achou do post?