O que fazer em Morro de São Paulo? (Parte 2)

Olá!

Ir ao Morro de São Paulo e não fazer certos passeios, é como não ter visitado a Ilha!

Abaixo, mais algumas dicas para curtir muito a viagem!

Dar a volta na Ilha, de lancha

Posso dizer?!? dá medo, mas vai com medo mesmo!

Tinha um bebê com menos de uma ano na lancha! uma ventania, a lancha parecia que ia levantar voo! E a mãe e o neném estavam lá… tranquilos!

Visitamos a piscina natural de Garapuá. No roteiro também estava incluído a piscina natural de Moreré, mas, com maré cheia, não foi possível.

A pessoa não sabe nadar, aí precisa ficar a mercê de “espaguete de espuma” vergonhoso… rs!

 

Também visitamos Boipeba. Que preguiça fiquei em sair de lá…

 

Em seguida, Canavieiras e a Cia das Ostras, onde é possível observar o cultivo de Ostras, além de poder saboreá-las.

Última parada do passeio de lancha… Cidadezinha histórica de Cairu.

O nosso guia foi um menino, morador da região. Muito esperto, com sua fala decorada!

 

Praia da Argila e Praia da Gamboa

Para chegar até elas, é necessário fazer uma pequena trilha pelo mar. Aconselho ir devagar pois há muitas pedras e risco de topadas. Segundo populares, a argila é ótima para a pele! Eu gostei! Se não fizer bem, mal também não faz né?!?

Dá até para pegar um barco e ir direto para a praia da Gamboa… mas olha um dos cenário lindos que você perde!

A praia da Gamboa é silenciosa e ótima para relaxar!

E ainda tem um videozinho mostrando como é a trilha!

Praticar SUP na 2ª praia

Apesar de estar com a prancha do lado contrário, eu dei umas remadas do lado certo tá gente?!?  Já era hora de entregar as pranchas, subi rapidinho para uma foto e na pressa, subi do lado errado. Depois que fotografaram que eu vi!

Várias remadas até o anoitecer! espetacular…

Esse é o final da Série Morro de São Paulo.

Gostaram das dicas?!? Espero que seja de grande valia!

Até a próxima!!!

Daniele

Facebook | Instagram | YouTube | Twitter | Comente!

 

O que achou do post?

O que fazer em Morro de São Paulo? (Parte1)

No último post dessa série, prometi contar as coisas bacanas que eu fiz por lá. Imperdível para quem está de viagem marcada ou pretende conhecer Morro. Vamos lá!

 

Igreja Nossa Senhora da Luz

Vale a pena conhecer um pouquinho da história da Ilha, que tem mais de 481 anos!

 

Praça Aureliano Lima

Visite a feirinha de artesanato.

 

Fazer turismo gastronômico

Conhecemos o restaurante Italiotto onde nos deliciamos com crepes, generosamente recheados.

Restaurante Italiotto

 

No Ristorante e pizzeria Bianco e Nero saboreamos uma maravilhosa pizza com massa fininha. Incrível a rapidez e qualidade que chegou em nossa mesa.

E por último, o Sabor da Terra, experimentamos suco de cacau e de umbu ou imbu… como preferir… rs!

Restaurante Sabor da Terra. Suco de Cacau e Maracujá

 

Visitar as Ruínas da Fortaleza de Tapirandú

O lugar é incrível! rende fotos maravilhosas! E de quebra, você ainda curte o espetáculo do por do sol sem pagar nada! Sente a vibe!

 

Farol do Morro e Mirante da Tirolesa

O farol foi construído em meados do século XVIII e era o principal instrumento de sinalização da “barra falsa da Baía de Todos os Santos”. À noite, o farol exibe luz branca com alcance de 23 milhas. Possui 89 metros de altura.

O mirante faz parte do conjunto defensivo da Ilha. Quase escondido em meio a vegetação, descortina uma visão panorâmica das praias.

A tirolesa tem 57 metros de altura e o visual de lá é incrível! Em Janeiro deste ano estava custando R$ 40,00. Quando cheguei, já estava fechando e os últimos descendo. Haja coragem!

Alguém se habilita a ir na tirolesa?!? rs…

Se deixar, ficarei horas escrevendo desse lugar que eu amei conhecer! Dividi o post para não ficar muito extenso. Ok!?!

Até a próxima!

Daniele

Facebook | Instagram | Twitter | Comente!

O que achou do post?