Nossas melhores aventuras em 2016!

 

Muita gente reclamando de 2016, mas para nós do Embarcando na Aventura, foi um ano ótimo!!!

Realizamos passeios, viagens, nos aventuramos em conhecer sabores, trilhas… pensando nisso, fizemos um top 10 de acontecimentos desse ano que finda.

2016 vai deixar saudade!!!

Réveillon em Poços de Caldas – MG

Não só o Ano Novo, mas conhecer essa cidade cheia de atrativos foi um presentão!

rRéveillon em Poços de Caldas - MG

Férias em Florianópolis

Cidade linda!!! Quero voltar!!! Fiz passeios pelo centro histórico, Ponte Hercílio Luz, Lagoa da Conceição, praias da Joaquina e Mole, Canto e Barra da Lagoa. Além de praticar sandboard nas dunas da Joaquina.

Ponto 16 Cachoeira Costa da Lagoa

Conheci o Parque Aldeia das Águas em Piraí

Quero retornar com os amigos!!!

Aldeia das Águas Park Resort

Teresópolis

Finalmente visitei o Parque Nacional da Serra dos Órgãos

Mirante do Dedo de Deus

Fernando de Noronha

Carina teve o privilégio de viajar para Fernando de Noronha…

Tartaruga

 Dia do Hambúrguer no The Fifties

Primeira comemoração de muitas… Viva o Hambúrguer!!!

American Double Bacon

Ilha da Boa Viagem

Um achado em Niterói!

Ponte para a Ilha da Boa Viagem

Museu do Amanhã

Uma das atrações turísticas mais visitadas no Rio de Janeiro.

Museu do Amanhã

Olimpíadas 2016

Momento único e inesquecível na nossa Cidade Maravilhosa! Assisti Basquetebol no Parque Olímpico de Deodoro, visitei duas casas dos países: Suíça e Japão. O Boulevard Olímpico foi a sensação das olimpíadas.

Escultura de Jorge Cupim

Inhotim

Maior Museu ao ar livre da América Latina!!! Adoramos conhecer!

Antes de Inhotim, visitamos Belo Horizonte, o Mercado Central, a Pampulha e a Praça da Liberdade.

Paulo e eu em Inhotim | Brumadinho -MG

Estou curiosa agora pra saber, o top 2016 dos nossos amigos viajantes!!!

2017… já lhe considero muito!!!

Daniele

Facebook | Insta Blog | Insta Dani | YouTube | Twitter | Comente!

O que achou do post?

Minha experiência em Hostels

El Misti Yellow Buzios

A Dani me inspirou para escrever esse post… resolvi dividir um pouco da minha experiência em hostel. Eu sei que para muitas pessoas ficar hospedado em albergue é algo impensável, para mim também já foi estranho, hoje em dia eu levo numa boa, é mais uma opção para economizar em minhas viagens $$ ;) mas não apenas isso.

Se a sua intenção ao viajar é conhecer novas pessoas essa é uma ótima opção, na minha viagem a Ouro Preto me proporcionou conhecer meninas super divertidas.

Eu tive 3 oportunidades de ficar em hostel e cada uma foi diferente da outra.

Recepção hostel

Imagem: Pixabay

A 1ª vez foi no carnaval há uns 3 anos atrás, inclusive com minha companheira Dani, em Búzios. Ficamos no El Misti Yellow Hostel, os donos eram argentinos, acho que éramos os únicos brasileiros por lá! Ficamos em quarto misto, com 13 camas… Lógico que nessas condições existem algumas coisinhas chatas, por exemplos pessoas chegando e fazendo barulho no meio da madrugada e também dividir banheiro com tanta gente. Nesse ponto entram os meus critérios para escolher hospedagem, a higiene, eles tinham o cuidado de limpar o quarto e banheiro todos os dias, às vezes isso não ocorre nem em hotéis… então muitas vezes o lugar é simples mas é super limpo e é nesse que eu fico.

Yellow Misti Buzios

Minha 2ª vez em hostel foi em Foz do Iguaçu e só tenho elogios a fazer ao Iguassu Falls Hostel. Dessa vez fiquei em um quarto duplo com uma amiga, então só dividimos o banheiro com outros hóspedes, que era mais limpo que o da minha casa! Brincadeiras à parte, o hostel é ótimo, os donos são super atenciosos e educados, cuidadosos e nos deram várias dicas, sem falar que até nos levaram para atravessar a ponte da Amizade! Indico para qualquer um! Um lugar simples, mas um dos melhores que fiquei, pelo custo, localização, acomodações e atendimento.

A última vez foi em Ouro Preto no Viva Chico Rei, mais uma vez tenho apenas elogios! Tive uns probleminhas na minha ida e a dona do hostel, a Carina (minha xará) foi super bacana comigo, alterou minha reserva sem nenhum problema ou custo, sem falar nas dicas que ela me deu para aproveitar bem minha passagem por Ouro Preto. Como viajei sozinha dessa vez e eu estava interessada em interagir com pessoas novas o albergue foi a melhor escolha. Fiquei com mais 5 meninas no mesmo quarto, baianas, cariocas e uma holandesa, então foi muito legal esse contato com pessoas de diferentes lugares. Para os meus critérios, o quarto era confortável e também bem limpo.

Viajante

Imagem: Pixabay

Acho que deu para notar que meu principal critério nas escolhas de hospedagem, sejam elas hotéis, pousadas ou albergues, é a limpeza do local. Lógico que avalio outras coisas, como valor e localização, mas se o lugar não é limpo, já era!

É claro que quando ficamos em albergue pensamos em itens como a segurança de nossas coisas, mas é só levar um cadeado, se tiver armário tranque se não tranque a mala, e os pertences mais valiosos leve sempre com você. Esses cuidados eu tenho sempre, não importa se estou em um hotel ou se estou em hostel.

A internet nos ajuda muito na hora de escolher os destinos e onde vamos ficar, independente do estilo de cada um, é muito mais fácil encontrar a opção que mais se adapta ao viajante e eu não podia deixar de falar um pouco sobre isso também… Acho que no Brasil os hostels estão cada vez melhores, e é tempo de deixar as inseguranças e preconceitos de lado e tentar coisas novas, até mesmo quando temos experiências negativas, nos rende bagagem para errar menos nas próximas vezes, eu já aprendi bastante a ainda tenho muita coisa para ver nesse mundo.

Até a próxima ;)

Carina

Facebook | Insta Blog | Insta Carina | Comente!

O que achou do post?